O INSTITUTO
CONHEÇA UM POUCO MAIS
SOBRE O ICAD
CIRURGIAS
TIRE SUAS DÚVIDAS SOBRE OS
PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS
ONDE ATUAMOS
LOCAIS DE ATUAÇÃO EM GOIÂNIA -GO COM MAPAS ATUALIZADOS...
DOENÇAS
DOENÇAS DO APARELHO DIGESTIVO E OBESIDADE
 
| HOME    | CONVÊNIOS    | EXAMES    | NOVIDADES    | ICAD INDICA    | CONTATO    | DÚVIDAS E RESPOSTAS
 
     
Novidades
 
 

Dicas

Cuidados com a Saúde

Por: Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia

cuidados com a saúde

Síndrome Metabólica

Síndrome Metabólica? O que É Isso?

Muito tem se falado a respeito da Síndrome Metabólica. Mas, afinal o que significa isso?

Na década de 80, um pesquisador chamado Reaven, observou que doenças frequentes como hipertensão, alterações na glicose e no colesterol estavam, muitas vezes, associadas à obesidade. E mais que isso, essas condições estavam unidas por um elo de ligação comum, chamado resistência insulínica. A valorização da presença da Síndrome se deu pela constatação de sua relação com doença cardiovascular. Quando presente, a Síndrome Metabólica está relacionada a uma mortalidade geral duas vezes maior que na população normal e mortalidade cardiovascular três vezes maior.

A insulina é o hormônio responsável por retirar a glicose do sangue e levá-la às células do nosso organismo. A ação da insulina é fundamental para a vida. Mas, a insulina também é responsável por inúmeras outras ações no organismo, participando, por exemplo, do metabolismo das gorduras. Resistência insulínica corresponde então a uma dificuldade desse hormônio em exercer suas ações. Geralmente ocorre associada à obesidade, sendo esta a forma mais comum de resistência.

Síndrome Metabólica corresponde a um conjunto de doenças cuja base é a resistência insulínica. Pela dificuldade de ação da insulina, decorrem as manifestações que podem fazer parte da síndrome. Não existe um único critério aceito universalmente para definir a Síndrome. Os dois mais aceitos são os da Organização Mundial de Saúde (OMS) e os do National Cholesterol Education Program (NCEP) - americano. Porém o Brasil também dispõe do seu Consenso Brasileiro sobre Síndrome Metabólica, documento referendado por diversas entidades médicas.

E você, Tem Síndrome Metabólica?

Segundo os critérios brasileiros, a Síndrome Metabólica ocorre quando estão presentes três dos cinco critérios abaixo:

  • Obesidade central - circunferência da cintura superior a 88 cm na mulher e 102 cm no homem;
  • Hipertensão Arterial - pressão arterial sistólica ³ 130 e/ou pressão arterial diatólica ³ 85 mmHg;
  • Glicemia alterada (glicemia ³110 mg/dl) ou diagnóstico de Diabetes;
  • Triglicerídeos ³ 150 mg/dl;
  • HDL colesterol £ 40 mg/dl em homens e £50 mg/dl em mulheres


Eu tenho Síndrome metabólica: e agora?

Pelo fato da Síndrome Metabólica estar associada a maior número de eventos cardiovasculares é importante o tratamento dos componentes da Síndrome. É fundamental que seja adotado um estilo de vida saudável, evitando fumo, realizando atividades físicas e perdendo peso. Em alguns casos o uso de medicação se faz fundamental. Um endocrinologista pode avaliar e orientar seu caso especificamente.

 



 
     
| Home
| O Instituto
| Locais de Atuação
| Política de Privacidade
| Contato
| Cirurgia da Obesidade
| Doenças
| Convênios
| Exames
| Novidades
| ICAD Indica
Cadastre-se e receba nossos Informatívos
   
62. 3089-9121 / 3089-9123
+ Formas de contato
Copyright © 2011 Instituto de Cirurgia do Aparelho Digestivo e Obesidade. Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Alguns Internet Studio